Melhores preços e qualidade em mudas florestais

Entrega rápida e pagamento seguro

Louro pardo - C. trichotoma - 30/60cm - 290ml

Seja o primeiro a avaliar este produto

R$7,90

Sem estoque

  • Compre 10 por R$2,00 cada e economize 75%
  • Compre 26 por R$4,90 cada e economize 38%
  • Compre 251 por R$3,90 cada e economize 51%
  • Compre 1000 por R$3,00 cada e economize 63%
  • Compre 5000 por R$2,50 cada e economize 69%
Opções Adicionais

Descrição Rápida

Contém uma muda de Louro pardo - C. trichotoma no tamanho de 30 a 60 centímetros no tubete de 290ml, já pronta para o plantio.

Nomes populares: louro-pardo, louro, louro-batata, canela-batata, frei-jrge ou freijó (Nordeste), ajuí, peterebi, cascudinho, louro cabeludo, mutamba, louro-mutamba, louro-amarelo, louro-do-sul, louro-da-serra.

Nome científico: Cordia trichotoma 

Altura da árvore: 20 a 30 metros.

Ocorrência: Ceara até o Rio Grande do Sul, nas florestas pluvial atlântica, e no cerrado. 

Madeira: Moderadamente pesada, dura, fácil de trabalhar, podendo inclusive ser envergada, de boa durabilidade em ambientes secos porém sensível ao apodrecimento quando exposta. 

Utilidade: a madeira é utilizada para confecção de mobiliário de luxo, para revestimentos decorativos, lambris, persianas, réguas, obtenção de lâminas faqueadas para revestimento de móveis, para confecção de pequenas embarcações, tonéis, caixilhos, etc. A árvore apresenta qualidades ornamentais e pode ser utilizada no paisagismo em geral. É ótima para reflorestamentos destinados à recomposição de áreas degradas de preservação permanente. 

Nome Popular Louro-pardo, louro-amarelo, louro-batata, louro-do-sul, louro-mutamba, freijó.
Tempo de Viveiro De 4 a 6 meses
Tamanho da Muda De 30 a 60 cm
Volume do Tubete 290 cm³
Peso da Muda 300 gramas
Nome Científico Cordia trichotoma (Vell.)
Família Boraginaceae
Síndrome de Dispersão Anemocórica
Sinomínia Botânica Não
Grupo Ecológico Pioneira
Classificação Sucessional N/A
Ameaça de Extinção Não Ameaçada
Origem Alagoas, Bahia, Ceará, Góias, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rondônia, São Paulo
Locais de Ocorrência Nordeste, Sudeste, Sul
Onde Plantar Espécie pioneira indicada para plantio em áreas degradadas.
Luminosidade Sombra
Solo de Plantio Áreas Secas
Porte da Árvore De 5 a 10 metros, De 10 a 15 metros, De 15 a 20 metros
Utilidades Construção Civil, Marcenaria, Melíferas
Madeira Considerada madeira de lei de primeira qualidade, é utilizada na fabricação de móveis finos, revestimento de interiores, construção de barcos, carrocerias, vagões e hélices. É uma madeira fácil de trabalhar e de cor amarelo-pardo. Possui resistência a flexão e é utilizada para a fabricação de peças envergadas.
Tronco Possui tronco bastante reto e cilíndrico podendo chegar a 40 ou 100 cm de diâmetro.
Folha Suas folhas são simples e alternas espiraladas com ápice acuminada, sub coriáceas com 7 a 17 cm de comprimento e 3 a 8 cm de largura, rica em pêlos.
Flor As flores são brancas e depois pardas, perfumadas em panículas terminais.
Fruto O fruto é totalmente ligado a semente, sendo praticamente impossível separá-los. Certas partes das flores permanecem no fruto e funcionam como hélices de um helicóptero fazendo o fruto rodopiar e planar com o vento a distâncias consideráveis da árvore-mãe. Varia com a região podendo acontecer entre maio e julho ou abril a dezembro. Em alguns lugares frutifica somente de dois em dois anos.
Fruta Comestível Não
Potencial Paisagístico É utilizado para arborização urbana na região Sul do país.
Fenologia Varia com a região podendo acontecer de fevereiro a abril ou de dezembro a julho. Floresce com a planta praticamente sem folhas ficando a copa totalmente branca por causa da coloração das flores. As flores são melíferas e polinizadas por abelhas e pequenos insetos. Inicia a idade reprodutiva a partir dos 4 anos de idade.
Possui Propriedades Medicinais? Sim
Propriedades Medicinais Não
Tempo de Crescimento Rápido

Use espaços para separar as tags. E aspas simples (') para frases.

Apenas usuários registrados podem comentar. Por favor, identifique-se ou cadastre-se