Melhores preços e qualidade em mudas florestais

Entrega rápida e pagamento seguro

Muda Araticum Cagão - A. cacans - 60/80CM - 820ML

Seja o primeiro a avaliar este produto

R$18,00

Em estoque

  • Compre 15 por R$15,00 cada e economize 17%
  • Compre 30 por R$12,00 cada e economize 34%
Opções Adicionais

Descrição Rápida

1 muda de Araticum Cagão - Annona cacans com 60 a 80 centímetros de altura, produzida em tubete com 820 cm³, já pronta para o plantio.

Este produto contém uma muda de Araticum Cagão - Annona cacans , 60-80 cm de altura, produzida em tubete com 820 cm³, já pronta para o plantio.

Também conhecida popularmente por: Cortiça,Araticum-de-Paca, Quaresma, Cortiçeira, Coração-de-Boi, Anona-Cagona.
Altura média da muda: 60 - 80 cm
Peso do produto c/ tubete: 300 g
Diâmetro à Altura do Colo (DAC): 2 mm
Volume do tubete: 820 cm³
Tempo de viveiro: 6 - 8 meses
Tipo de substrato: Turfa, Casca de Pinus e Calcário
Tipo de adubo: Osmocote 18-05-09 Miniprill (5 - 6 meses)
Nível de Rusticidade: Alto
Família: Annonaceae
Nomes populares - cortição, araticum-cagão, araticum-de-paca. quaresma, corticeira. coração-de-boi, anona-cagona, corticeiro
Características morfológicas - Altura de 12-16 m, dotada de copa globosa e tronco cilíndrico de 50-70 cm de diâmetro. Folhas glabras, de 8-17 cm de comprimento por 3-6 cm de largura.
Ocorrência - Minas Gerais e Rio de Janeiro até o Rio Grande do Sul nas matas situadas em altitudes superiores a 300 m. 
Madeira - Leve. macia ao corte, fácil de trabalhar, pouco resistente, de baixa durabilidade natural.
Utilidade - A madeira é empregada apenas para forro, caixotaria e confecção de brinquedos. Os frutos são comestíveis, entretanto bastante laxantes se ingeridos em quantidades maiores. A árvore é bastante elegante e ornamental, podendo ser utilizada com sucesso na arborização urbana; seu único inconveniente para áreas de grande circulação é a queda de seus enormes frutos que pode causar acidentes. E um componente indispensável nos reflorestamentos mistos destinados a recomposição de áreas degradadas de preservação permanente, tanto pela rapidez de crescimento como pela produção de farta alimentação para a fauna.
Informações ecológicas - Planta decídua, heliófita, pioneira, característica da floresta pluvial atlântica. Ocorre, porém, de maneira também esparsa, na floresta latifoliada semidecídua até altitudes acima de 900 m. É encontrada tanto na floresta primária densa, como nas
formaçõe.; abertas e secundárias. Não produz todos os anos abundante frutificação.
Fenologia - Floresce a partir do final do mês de setembro, prolongando-se até início de novembro. Os frutos amadurecem durante os meses de janeiro-março.
Obtenção de sementes - Colher os frutos diretamente da árvore quando maduros, ou recolhê-los no chão após a queda espontânea. Em seguida deixá-los alguns dias amontoados para iniciar o apodrecimento da polpa e facilitar a remoção das sementes. Isto pode ser obtido através do esfregaço manual em água corrente dentro de uma peneira. Um quilograma de sementes contém aproximadamente 5.370 unidades. Sua viabilidade em armazenamento é inferior a 6 meses. Produção de mudas - Escarificar mecanicamente as sementes antes da semeadura para aumentar a taxa de germinação. Em seguida semeá-las em canteiros ou diretamente em recipientes individuais contendo substrato organo-argiloso. Cobri-las com uma camada de 0,5 cm de substrato peneirado e irrigar diariamente. A emergência demora 40-80 dias e, a taxa de germinação é superior a 30 %. O desenvolvimento das mudas é rápido, podendo ser levadas para plantio no local definitivo em menos de 6 meses. O desenvolvimento das plantas no campo é também rápido, alcançando facilmente 4 m aos 2 anos.
Potencial de Hidrogênio (PH) - 5,8

Use espaços para separar as tags. E aspas simples (') para frases.

Apenas usuários registrados podem comentar. Por favor, identifique-se ou cadastre-se